quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

eu tive que, e agora

eu tive que
jogar café nas minhas vestes
vezes vezes antes de entrevistas

de emprego,
eu tive que trocar letras palavras
e intuir que o sol continuaria sol e só
até sei lá quando

eu tive que
amanhecer, perder o sono, tomar banho de chuva
e esquecer de gripar,

eu tive que ficar rolando
capotado
da queda longa
a queda da ladeira
longa
a ladeira
a queda
crente que o santo tava

ajudando, eu tive que ficar
deitado
imóvel
esperando
achando que assim ia

e de alguma forma foi

eu tive que vencer
de capote às vezes
na bisca da vida
com parceiro, sem parceiro,
saber perder derreter todo
recompor, reajuntar eu tive que

eu tive que
entender
que eu tinha pernas
que elas poderiam até
ficar pro ar às vezes
mas no mais precisavam era seguir

eu tive que
captar
entranhar
receber
amaciar

eu tive que
e agora tenho que

pernas para que
quero

Nenhum comentário: