quarta-feira, 16 de outubro de 2013

(agressora)

(a poesia que começa com uma inquietação sobre ela mesma é uma agressora,
ela de início quer delimitar seu objeto

mas quer explicitar isso, assim, jogado:
objeto

só há poesia no mistério)

Nenhum comentário: