domingo, 25 de dezembro de 2011

louco dia de natal

eaí galera... que maluquice toda, hein mano?

estar aqui em rp sempre faz pensar nos jogos de imagem todos. e dizer pra si, baixinho, ou ouvir a voz de dentro sabendo que "ça se passe" ou "ça commence" ou "ça arrive". é um consolo. poço límpido poço. toco meu nariz toco.

natal é meio ano novo sempre. a louca da mamá chapou pra sempre. dormi acordei leio muito é isso aê. vida doida, vida minha, 

e ainda assim... que ano fodido. posso dizer em breve... melhor da vida? provavelmente. aos trancos e barrancos, nóis vai, capota mas não breca, e vai, e por aí vai.

fiquei lembrando quando long-time-ago, mais conhecido como há uns três-cinco-sete anos atrás, eu ficava metaforizando o natal pra ele fazer algum sentido para mim, um agnóstico. acho que vou agradecer a beleza que a lenda de cristo acabou nos legando. 

beijinhos pra vxs, amores, fotolog na veia








adendo: alguém comentou de desejar paz e amor no natal. boto fé nessa também, hipponguices pride, e todos os sonhos dourados de jesus desde a long time ago de uma vida mais bacana pra geral, e mais livre de culpas também. pq, na real? o brother nem botava fé em neguinho carregando o mundo nas costas não...

Nenhum comentário: