quarta-feira, 15 de abril de 2009

Crítica ao Desatino 11

Tudo isso é horrível, tudo isso é risível. Sem tanto, resta nos acotovelarmos acerca da relatividade da sordidez de costas à instituição/desinstituição que nos cospe sem sentido em que essa pode nos suspender de qualquer aliteração a findar-se no arroubo completo.

referente:
http://persuasiofalsa.blogspot.com/2009/03/critica-ao-destino-11.html

Nenhum comentário: